Agenda Nacional

A RENETO está inserida em uma ampla rede de entidades parceiras em Terapia Ocupacional, a fim de fortalecer as ações na categoria.

A partir da construção de uma rede articulada de entidades representativas da Terapia Ocupacional, formou-se a Agenda Nocaional, que tem cmo objetivo elencar e atuar em pautas de fortalecimento e desenvolvimento da Terapia Ocupacional brasileira, sobretudo, a partir da criação e estratégias políticas e de gestão.

Nossas forças: 

– capacidade de organização docente: que desde 1986 discutem e encaminham temas e decisões  relacionados ao ensino e pesquisa em terapia ocupacional e desde 2006, institucionalmente por meio da RENETO.

São 30 anos de encontros docentes e desde 2009, 4 Seminários Nacionais de Pesquisa na área no país.

Além da participação de docentes em Comissões de Especialistas do MEC, Comissões Assessoras e Avaliação de Cursos de graduação, bem como participação em Comissões juntamente com ABRATO e Sistema COFFITO do aperfeiçoamento e elaboração de instrumentos de avaliação do ensino e de cursos de graduação no país.  Além disso, fomenta a participação de docentes no banco de avaliadores do Ensino Superior do INEP/MEC.

– organização das atividades por grupos de trabalho, que durante os eventos bianuais (ENDTO e SNPTO) discutem os desafios de diferentes campos de ensino e pesquisa na área no país (eu elencaria os GT ativos

– interlocuação permanente com o s órgãos de fomento á pesquisa, ao ensino de graduação e de pós-graduação)

Nossas fragilidades:

– Necessidade de aumentar a participação de docentes de todas as instituições de ensino superior e também de maior interlocução com estudantes de pós-graduação, futuros docente e parceiros nas atividades de ensino e pesquisa no país.

– O baixo grau de implantação de políticas públicas de afirmação de direitos no país, torna frágil a participação de profissionais em serviços e programas o que dificulta seu reconhecimento e o maior desenvolvimento da pesquisa e do ensino na área no país.

Oportunidades:

A RENETO  participa ativamente de Conselhos e Fóruns de debates sobre o tema do Ensino, da Pesquisa e da Educação Permanente juntamente com outras associações de ensino do país, bem como de articulações como Fórum de trabalhadores da Saúde (FENTAS) e Fórum de Associações de Ensino de Saúde (FNEPAS).

Tem participação ativa também no Conselho nacional de Assistência Social entre outras.

A participação da RENETO juntamente com ABRATO e sistema COFFITO/CREFITOs nos debates e ações relacionados à ampliação de cursos de graduação no país tiveram repercussão no aumento de cursos públicos no país nos últimos 10 anos, bem como no apoio  colegas em suas lutas e debates para a manutenção dos cursos de instituilções de ensino privado ou comunitário.

Ameaças:

As políticas de enxugamento do estado e de suas propostas no âmbito da educação, saúde, assistência e previdência social, têm trazido sérios obstáculos ao fortalecimento das atividades de ensino e de pesquisa na área, com possíveis repercussões para a organização e participação de docentes, tendo em vista a sobrecarga dos docentes em suas atividades de ensino e pesquisa e a necessidade de lidar com os problemas institucionais, que a desarticulação dessas políticas trazem para o cotidano do trabalho docente e para o ensino e pesquisa.

 

Para saber quais são essas entidades, seus representantes e contatos que fazem parte desta grande rede, acesse os links abaixo.